Comprar veiculos seminovos: como verificar a documentação

Ao comprar veículos seminovos, o motorista precisa tomar alguns cuidados especiais. Mesmo que demore um pouco mais, essa averiguação é importante para evitar dores de cabeça.

Por sorte, atualmente, algumas unidades do Detran permitem fazer buscar de maneira mais simples. Confira o passo a passo do que é necessário prestar atenção antes de fechar negócio!

Comece a fazer a pesquisa pela internet

Dependendo de onde você mora, talvez seja possível pesquisar a situação do veículo no Departamento de Trânsito pela internet. No Detran de São Paulo, por exemplo, é assim.

Caso a busca não possa ser feita on-line, você deverá se dirigir ao órgão responsável. A pesquisa permite saber se os carros usados têm multas, impostos em aberto, restrições administrativas e até processos judiciais. Para isso, é necessário ter a placa do carro e o Registro Nacional de Veículos Automotores (Renavam).

Se a pesquisa for feita presencialmente, o interessado na compra também deverá levar o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV) ou o Certificado de Registro de Veículo (CRV). Tanto do jeito presencial quanto on-line, a busca pelo documento do carro usado é gratuita.

Confira o chassi

Já pensou comprar um veículo e o documento não corresponder a ele? Para evitar esse tipo de situação, é indicado conferir se as inscrições do chassi no próprio automóvel são as mesmas que constam na documentação.

Essa averiguação pode ser feita em alguns Detrans de forma gratuita. Há também empresas credenciadas em vistorias (ECVs) que realizam o serviço e cobram uma tarifa. O valor varia de acordo com a localidade.

Atente-se ao prazo de transferência

Se tudo estiver certo com o veículo, o comprador deverá fazer a transferência de posse. Esse procedimento deve ser realizado em até 30 dias após o preenchimento do Certificado de Registros de Veículos (CRV).

Se o motorista não fizer isso, ele estará cometendo uma infração grave com inclusão de cinco pontos na CNH e multa de R$ 127,69. Desse modo, é importante fazer a transferência o quanto antes.

Para fazer a mudança de proprietário, o comprador precisa ter o licenciamento (CRLV) em dia e ir até uma agência bancária para pagar uma taxa. O pagamento é feito mediante a apresentação do número do Renavam. Se o licenciamento não tiver sido quitado antes, ele pode ser pago junto com a transferência.

Depois de pagar a taxa, o comprador deve voltar ao Detran com o recebido do pagamento — e de outros débitos pagos — e apresentar o RG ou CNH, CPF e comprovante de residência. Também é necessário levar o laudo de vistoria, o Certificado de Registro de Veículo (CRV) original e a ficha Renavam preenchida preenchida em duas vias.

Compre em um lugar confiável

Além de tomar cuidado com toda a documentação, é importante comprar o veículo de um estabelecimento idôneo que garante a procedência do bem. No site de carros da Movida Seminovos, você tem total segurança para comprar o seu automóvel.

Confira as opções que temos para você e faça já a sua compra de carro usado. Certamente, você levará uma ótima opção para se locomover pela cidade e para viajar.

Deixe uma resposta